quinta-feira, agosto 24, 2006

Sorteio da fase de grupos, Liga dos Campeões - Época 2006/2007

LC_2006-2007_grupos

No que ao Benfica diz respeito, calhou num grupo "fácil" quando comparado com outros... Se é que é possível falar de facilidades a este nível. Vamos defrontar dois emblemas históricos do futebol britânico e um dos "outsiders" da prova que por sinal eliminou o Ajax de Amsterdão na 3ª pré-eliminatória da prova... À atenção dos adversários.


Aqui fica o calendário do nosso grupo:

1ª jornada (13 Setembro):

Manchester United - Celtic

FC Copenhaga - BENFICA


2ª jornada (26 Setembro):

BENFICA - Manchester United

Celtic - FC Copenhaga


3ª jornada (17 Outubro):

Celtic - BENFICA

Manchester United - FC Copenhaga


4ª jornada (1 Novembro):

FC Copenhaga - Manchester United

BENFICA - Celtic


5ª jornada (21 Novembro):

BENFICA - FC Copenhaga

Celtic - Manchester United


6ª jornada (6 Dezembro):

Manchester United - BENFICA

FC Copenhaga - Celtic

|

Se há imagens que ficam....

... esta é sem dúvida uma delas!

rui_costa_benfica

Festejos de Rui Costa no 1º golo oficial pelo Benfica... 12 anos depois. O "camisola 10" está mesmo de volta! Neste jogo o Benfica derrotou os austríacos do Viena de Austria por 3-0 (4-1 no total das duas mãos) e carimbou o acesso à fase de grupos da Liga dos Campeões 2006/2007, alcançando ainda um feito inédito para o futebol português: 3 equipas lusas nesta fase da prova rainha do futebol europeu.

|

terça-feira, agosto 22, 2006

Já temos adversário para a 1ª jornada!

O CJ da Liga lá resolveu o "imbróglio" Mateus a favor do Belenenses. Os azuis do restelo livram-se assim de uma despromoção que, a meu ver, seria inteiramente justa! Mas atenção, não estou de modo algum a tentar branquear factos... A justiça que me referia era só e apenas relativa ao futebol jogado! Se realmente sucedeu o que se diz, acho muito bem que seja feita justiça. Ainda assim, os dirigentes do Belenenses não se livram do rótulo de "deselegantes", dado que deveriam ter esperado calmamente pela decisão do CJ sem interferir no assunto. É que se realmente o CJ da Liga resolveu este caso com base em dados sólidos e concretos, não foi certamente o ataque cerrado e incompreensível do Belenenses ao Gil Vicente que determinou a sua permanencia na 1ª Liga. Falei em "ataque cerrado e incompreensível" porque na realidade o que o Belenenses quis não foi resolver o caso Mateus, ou melhor, foi, mas a seu belo proveito e fazendo deste "caso à portuguesa" um bode espiatório para conseguir na secretaria aquilo que não conseguiu dentro do campo. Eu compreendo e apoio o facto de o Belenenses se querer afirmar judicialmente neste caso que indirectamente o "afectava", salvaguardando os direitos da instituição, mas esta afirmação teria que ter sido feita de forma discreta e nunca em trocas de palavras na comunicação social como vimos! Bizarra e deselegante atitude!
Mas enfim, finalmente houve uma decisão conclusiva sobre este processo que já se arrastava há alguns meses... Convido-vos a uma reflexão: comparem por momentos este caso com todo o processo italiano "Calciocaos", em termos de tempo, envolvência, prestígio, dinheiro, etc!

Confesso que já andava a ficar preocupado com esta situação... É que a poucos dias do início do campeonato nacional, que por sinal se adivinha bastante cómico e cheio de "sistema!!", ainda não tínhamos adversário certo na 1ª jornada. Nuns calendários via "Belenenses", noutros via " Gil Vicente"... Ainda ponderei a hipótese de jogarmos com os dois no mesmo dia! Um de cada vez é certo, mas tendo em conta a qualidade de um e de outro, acho que seria um bom treino! :-P
Enfim, o futebol português só da para isto: ironia, muita ironia!!
|

segunda-feira, agosto 21, 2006

Eleições na liga de clubes

Herminio Loureiro foi eleito presidente da Liga de Clubes, facto esse que não implica, neste caso, a qualidade ou não do eleito, dado que o mesmo concorreu sozinho ao cargo. É como fazer uma corrida sozinho e... ganhar...! Um pouco à imagem do país, em que um dos seus (muitos) problemas é a falta de competitividade, não existiu uma alternativa a este candidato que está invariávelmente associado a um partido político... Na verdade, ninguém ousou fazer frente ao candidato que tão pomposamente prometeu mudar o futebol português, tendo consequentemente o apoio de quase todos os clubes. Herminio Loureiro apenas não contou com o apoio de dois: S. L. Benfica e C. D. Nacional. O Benfica fez-se representar pelo Sr. presidente Luis Filipe Vieira, o qual votou em branco nesta eleição. Já o Rui Alves, presidente do Nacional foi mais longe tentando impugnar a eleição alegando incumprimentos na candidatura de Herminio Loureiro. Ele lá saberá porque o tentou fazer...
No que à presidência da Mesa da AG diz respeito, Valentim Loureiro foi o escolhido, substituindo o então presidente Adriano Afonso. Valentim Loureiro disse mesmo que não se re-candidatou à presidência da Liga pelo simples facto de já ter afirmado que não o faria, auto denominando-se por isto, um "homem sério e de palavra"!! (pausa para rir...)

Desabafo: Agora que já temos dois "Loureiros" na Liga de Clubes só lá falta o cantor rock...! (Mas para que é que eu ainda estou para aqui a dar ideias?!)

E assim vai o nosso futebol... Esperemos que o campeonato em si seja mais rico! Não, a riqueza que me estou a referir não diz respeito nem a fruta nem a rebuçados de frutos tropicais... Afinal o Apito Dourado foi mesmo um engano!

PS: Esperamos todos impacientemente que Herminio Loureiro cumpra o que prometeu na "operação de charme" (campanha eleitoral) e que entre outras coisas profissionalize de uma vez por todas o sector da arbitragem em Portugal.
|

Subscrever
Mensagens [Atom]