segunda-feira, março 12, 2007

Opções tácticas

Não contando com duas pedras fundamentais como Luisão e Rui Costa e admitindo que Nuno Gomes e Miccoli estão a 100%:

tactica2
Claramente não há que tirar o Katsouranis do meio-campo, não porque não desempenhe seguramente a função de central mas sim porque não se pode prescindir de um jogador da qualidade de Katsouranis onde maior rendimento tem. Esta é uma situação um pouco à imagem de Mourinho no Chelsea, que é obrigado a utilizar Essien no eixo da defesa "perdendo" assim um jogador do meio-campo. Até porque há sempre o David Luiz que fez uma exibição seguríssima na 2ª parte do jogo de Paris, actuando do lado direito do eixo central da defesa, mostrando que é um jovem de grande valor e em quem se pode confiar.

Se se optar por utilizar Katsouranis no eixo da defesa ao lado de Anderson, a opção mais segura para substituir o grego no meio-campo é, sem dúvida, o jovem João Coimbra. Coimbra jogou a grande nível em Paris, enquanto teve pernas para isso. Não é certamente a jogar 1 minuto por jogo que vai ganhar ritmo competitivo...
tactica1
No que ao ataque diz respeito penso que é de utilizar Simão a "falso nº10" que simultaneamente descai para ambos os flancos, e a dupla Miccoli - Nuno Gomes. Isto logicamente partindo do princípio que se encontram a 100%.
|

Subscrever
Mensagens [Atom]